3 de junho de 2011

Desiludiste-me.
Cheguei realmente a achar que eras diferente e que poderíamos vir a ser muito felizes mas parece que me enganei. Pelo que parece és assim para todas. 
Começo a achar que nada do que me disseste é verdade. Eu sei que grande parte da culpa disto tudo é minha mas nunca arrisquei porque nunca me conseguiste realmente provar que tudo iria valer a pena.

Um comentário:

Sara Martins disse...

e se nada valeu, ainda bem que não arriscaste.♥